Home » Noticias » Com início do bombeamento, Cantareira perde 9,6% do ‘volume morto’

Com início do bombeamento, Cantareira perde 9,6% do ‘volume morto’

Desde o início do bombeamento inédito do volume morto dos reservatórios, há quinze dias, o sistema Cantareira já perdeu 17,5 bilhões de litros água. Essa quantidade representa 9,6% do total que a Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) pretende retirar da reserva para o abastecimento da Grande São Paulo.

No dia 30 de maio, já considerando o volume morto, o nível da Cantareira estava em 25% da capacidade, o equivalente a 245,2 bilhões de litros de água. Segundo a Sabesp, o volume seria suficiente para manter o abastecimento de água na região até outubro, quando se inicia a próxima época de chuvas.

Fonte: O Estado de S.Paulo, 30/05/14

Veja também

Conectar personas con la naturaleza es el eje de todas las celebraciones

El lema 2017 propone descubrir, experimentar y valorar esta relación esencial. “Estoy con la naturaleza” ...