Home » Noticias » Fábrica de mosquitos abre em Campinas com promessa de erradicar a dengue

Fábrica de mosquitos abre em Campinas com promessa de erradicar a dengue

A empresa britânica Oxitec trouxe para o Brasil uma nova tecnologia de combate à dengue: a criação de mosquitos transgênicos Aedes aegypti. A primeira fábrica da empresa foi inaugurada na última terça-feira (29), em Campinas (SP), e possui capacidade para produzir 2 milhões de mosquitos machos por semana.

O combate à doença se dá pelo fato de os mosquitos transgênicos serem estéreis, o que levará à diminuição da quantidade de mosquitos transmissores da doença. Isso porque, quando solto no ambiente, o macho transgênico criado pela Oxitec impedirá a proliferação das fêmeas ao fecundá-las com esperma que gera filhotes inviáveis. Importante observar que apenas as fêmeas de Aedes aegypit picam pessoas e transmitem o vírus da doença.

A empresa está em negociação com alguns municípios paulistas para implementar a estratégia de erradicação da doença, mas, segundo informações do jornal Folha de S.Paulo, ainda não há nenhum acordo, já que a Oxitec ainda não conseguiu licença concedida pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) para comercializar serviço.

A linhagem do mosquito usada pela Oxitec foi criada há 12 anos em pesquisas na Universidade de Oxford. Os animais usados hoje são descendentes de mosquitos que foram geneticamente modificados em laboratórios. De lá até aqui, foram R$ 80 milhões investidos em pesquisa e desenvolvimento, informa o jornal.

Fonte: Folha de S.Paulo, 29/07/2014

Veja também

Aedes_aegypti_during_blood_meal

Incidência de casos de dengue é maior em ilhas de calor

Com base nos dados da Prefeitura de São Paulo colhidos entre 2010 e 2011, uma ...