Home » Noticias » Produção nacional de químicos de uso industrial cai 1,68% no 1º bimestre

Produção nacional de químicos de uso industrial cai 1,68% no 1º bimestre

Dados do Relatório de Acompanhamento Conjuntural (RAC) da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim) revelam a produção nacional de químicos de uso industrial teve recuo de 1,68% no primeiro bimestre de 2015. As vendas internas caíram 4,7% em janeiro e fevereiro, influenciados pela redução da atividade econômica nacional, informa o jornal Valor Econômico.
Segundo a Abiquim, “clientes de importantes cadeias, como construção civil e indústria automobilística, reduziram expressivamente suas operações, com impacto na química, que é fornecedora de praticamente todos os setores industriais”.

O levantamento mostra também que as importações recuaram 3,7%. Esse desempenho, combinado à queda na produção, “reforça um cenário preocupante de substituição da demanda de químicos por produtos importados acabados, a ser confirmado nos próximos meses”, avalia a Associação.

O índice de preços de químicos de uso industrial, por sua vez, caiu 7,46% em fevereiro sobre janeiro, terceira queda consecutiva, acumulando recuo nominal de 8,39% no primeiro bimestre.

A taxa de uso da capacidade instalada ficou em 74% em fevereiro, média de 78% no primeiro bimestre. Trata-se de uma ociosidade elevada para os padrões de produção da indústria química mundial, de uso de 87% a 90% da capacidade, afirma a diretora de Economia e Estatística da Abiquim, Fátima Giovanna Coviello Ferreira. “Essa situação acaba forçando as empresas a realizarem mais paradas para manutenção, que geram custos adicionais aos processos de produção.”

Fonte: Valor Econômico, 27/03/15

Veja também

file8441305396190

Falta de água afetará dois terços da população mundial em 2050

A escassez de água afetará dois terços da população mundial em 2050 devido ao uso ...